facebook twitter flickr youtube
Principal Notícias
19.Set.2017 |Últimas
SINDJUSTIÇA PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA
Imprimir Enviar para amigo Indicar errp
A+ a-

Audiência pública discutiu novo código de organização judiciária


A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Assembleia Legislativa debateu, nesta segunda-feira (18), o novo código de organização judiciária, enviado pela administração do Tribunal de Justiça e que encontra-se em tramitação na ALCe.

O projeto de lei nº 73/2017, oriundo da mensagem nº 06/2017, prevê diversas alterações na estrutura do judiciário estadual, dentre elas a extinção de diversas unidades judiciárias.

Estiveram presentes na audiência deputados estaduais, prefeitos e vereadores dos municípios afetados, representantes da administração do TJCe, da OAB e da FENAJUD.

Na ocasião diversos parlamentares expressaram preocupações com relação ao fechamento de comarcas, questionando inclusive como isso poderia aumentar a produtividade e a celeridade da justiça estadual.

Roberto Eudes, Coordenador Geral do SindJustiça Ceará, destacou que "o acesso à justiça é um direito básico do cidadão, um serviço essencial. Não podemos aceitar que milhares de pessoas sejam prejudicadas com o fechamento de comarcas. O projeto, portanto, representa um retrocesso e um duro ataque aos servidores lotados nestas comarcas e à população cearense", concluiu o dirigente sindical.


O vice-presidente da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados (Fenajud), Bernardino Fonseca,salientou que "o fechamento de comarcas penaliza a população interiorana, principalmente a parcela mais carente, uma vez que estes terão maior dificuldade de acesso á justiça".


O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – secção Ceará (OAB/CE), Marcelo Mota, também manifestou posição contrária ao projeto de lei e lembrou que o judiciário estadual deve repensar estratégia para enfrentar o problema da produtividade, algo que certamente não passa pelo fechamento de comarcas.

O deputado Sérgio Aguiar (PDT), presidente da CCJR, informou que serão realizadas outras duas audiências públicas, uma pela Comissão de Orçamento, Finanças e Tributação e outra pela Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público, com datas a serem confirmadas posteriormente.


 

Nome

Campo obrigatório.
Campo obrigatório. Digite um e-mail válido.
Digite seu comentário.
autentica Campo obrigatório. Código errado. Código errado. *campo obrigatório
*Digite o que aparece na imagem.
Produzido e atualizado conjuntamente pelo Sindjustiça Ceará e TEIA DIGITAL
© 2011-2017. SindJustiça Ceará
Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Ceará
Sede 1: Rua Francisco Segundo da Costa, 97, Edson Queiroz Caixa Postal 6683 | | 60811-650 | | Fortaleza-CE Fone: 3273-4217
Sede 2: Avenida Engenheiro Agrônomo José Guimarães Duque, 993, Cambeba | 60822-220 | Fortaleza-CE Fone: 3218-1077 / 3271-1456
Sub Sede TJCE: Ponto de apoio, localizado no sub solo do Tribunal de Justiça, Cambeba. Fone: 3207-7902